Ibama recusa proposta da Samarco e exige novo Plano de Recuperação Ambiental

Projeto que derruba a Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas será votado
janeiro 28, 2016
No Vaticano, Papa Francisco e Leonardo DiCaprio discutem sobre meio ambiente
janeiro 29, 2016
Exibir tudo

Ibama recusa proposta da Samarco e exige novo Plano de Recuperação Ambiental


Brasília (28/01/2016) – O Ibama encaminhou ofício nesta quarta-feira (27/01) à mineradora Samarco, responsável pela catástrofe ambiental provocada pelo rompimento de barragem em Mariana (MG), exigindo que a empresa apresente um novo Plano de Recuperação Ambiental da região afetada pelo desastre, com as complementações e atualizações necessárias.


Em 18/01, a Samarco, controlada pela Vale e pela BHP, protocolou na Superintendência do Ibama em Minas Gerais o Plano de Recuperação Ambiental, exigido por meio de notificação.

A equipe técnica responsável pela análise considerou que o levantamento dos impactos e as ações propostas “possuem caráter genérico e superficial, sem considerar o imenso volume de informações produzidas e disponíveis até o momento, além de apresentar pouca fundamentação metodológica e científica”. De acordo com a avaliação, a empresa “minimiza todos os impactos ambientais da ruptura da barragem”.

A Nota Técnica produzida pelos analistas do Ibama ressalta que “a falta de prazos definidos impossibilita qualquer monitoramento das atividades a serem desenvolvidas por parte dos órgãos competentes”.

O prazo para entrega das complementações e atualizações exigidas é 17 de fevereiro.

Leia a Nota Técnica.

Assessoria de Comunicação do Ibama
Este endereço de e-mail está protegido contra SpamBots. Você precisa ter o JavaScript habilitado para vê-lo.

(61) 3316-1015



Source link

Wander Delgado
Wander Delgado
Químico, especialista em meio ambiente e gestão de resíduos, contabilidade industrial e viabilidade técnico econômica.

Deixe uma resposta