João Pessoa é uma das três capitais do país com baixa infestação do Aedes aegypti

Prefeitura de Americana confirma sexta morte por febre maculosa; vítima é menina de 7 anos
junho 14, 2018
Ibama faz operação para coibir desmatamento na Amazônia
junho 14, 2018
Exibir tudo

João Pessoa é uma das três capitais do país com baixa infestação do Aedes aegypti


João Pessoa é uma das três capitais do país que apresenta um índice satisfatório para a baixa reprodução do Aedes aegypti, segundo informações do Ministério da Saúde. O mosquito é transmissor de doenças como dengue, zika, chikungunya e febre amarela.

Na capital paraibana, o índice de infestação do Levantamento do Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa) registrado foi de 0,5%, ou seja, a cada 200 imóveis, apenas um apresenta risco de reprodução do mosquito.

De acordo com a Vigilância Ambiental e Zoonoses (GVAZ), da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), ao longo do ano são realizadas atividades de prevenção e controle ao mosquito, como visitas domiciliares para orientação e controle com larvicida, colocação de armadilhas para coleta dos ovos em piscinas desativadas.

Ao todo, 22% dos municípios brasileiros apresentaram um alto índice de infestação do Aedes aegypti, com risco de surto para dengue, zika e chikungunya. Em relação às capitais, Cuiabá, no Mato Grosso, e Rio Branco, no Acre.

O post João Pessoa é uma das três capitais do país com baixa infestação do Aedes aegypti apareceu primeiro em Pragas e Eventos.

Wander Delgado
Wander Delgado

Químico, especialista em meio ambiente e gestão de resíduos, contabilidade industrial e viabilidade técnico econômica.

Os comentários estão encerrados.