Matinhos (PR): Prefeitura quer extinguir parque para construir uma megaloja

Febre do Nilo atinge cavalos e produtor rural
julho 13, 2018
OS PERIGOS DOS INSETICIDAS DOMÉSTICOS QUE A PROPAGANDA NÃO CONTA
julho 14, 2018
Exibir tudo

Matinhos (PR): Prefeitura quer extinguir parque para construir uma megaloja


O pequeno e precioso Parque Natural Municipal do Taboleiro. Foto: Wikiparques.

Acontece amanhã em Matinhos, no Paraná, uma audiência pública para tratar da construção de uma megaloja de departamentos no município. O local indicado pela prefeitura para a construção do empreendimento é o Parque Natural Municipal do Tabuleiro, que deixará de existir se a proposta for aprovada.

Criado em 2006, o parque abriga um dos últimos remanescentes florestais em perímetro urbano no município. É uma área pequena, de pouco mais que 31,7 mil metros quadrados que pertence ao Bioma Mata Atlântica. A unidade de conservação abriga 76 espécies de aves e 25 de árvores nativas, entre as quais um grande número de guanandis, além de caixetas, espécie ameaçada de extinção.

Valorização imobiliária

A graciosa saracura que visita o Parque Natural Municipal do Tabuleiro. Foto: Wikipédia.

Ambientalistas acusam a prefeitura de tentar beneficiar o ex-prefeito, Eduardo Dalmora, com a proposta de derrubar o parque. O político seria dono de um mercado próximo do local e se beneficiaria da construção de uma megaloja próxima do comércio dele. Essa informação ainda não foi confirmada. Oficialmente, a prefeitura argumenta que o novo empreendimento gerará empregos na cidade.

 

Leia Também

Benefícios das Unidades de Conservação municipais para a sociedade

Parque Natural da Catacumba, parte orgulhosa da Transcarioca

O Paraná é um mar de soja

 

O post Matinhos (PR): Prefeitura quer extinguir parque para construir uma megaloja apareceu primeiro em ((o))eco.

Wander Delgado
Wander Delgado

Químico, especialista em meio ambiente e gestão de resíduos, contabilidade industrial e viabilidade técnico econômica.

Os comentários estão encerrados.